Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos










“OBSERVADOR DA MADRUGADA”.

     

 

Em meia luz da lua

Em meio às luzes da cidade,

Com o silêncio da rua

A quietude e a saudade;

Tão lindo o azul do céu

Já anunciando o amanhã,

Nuvens em forma de véu

A lua de quem eu sou fã.

 

Estrelas piscam devagar

A brisa sopra tão suave,

Eu vejo luzes no mar

Ouço um barulho, som grave;

Já vejo o sol brilhar...

Eu vejo então uma aeronave,

Já ouço pássaros cantar...

O sobrevôo de uma ave.

 

Oh como é lindo o dia!

Celebro então a vida,

O cheiro da maresia

E aquela rua adormecida;

Já não é mais como eu a via

É uma alameda florida

Nada alí mais é fantasia...

A realidade é colorida!







Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 17/04/2008
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras