Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos










“LUA BRANCA”.

 

 

 

(Refrão).

A lua branca clareava o meu céu

Meu céu azul nuvens cor de algodão,

A lua branca com estrelas prateadas

Fez-me chorar, nas noites de solidão.

 

Mil pirilampos a floresta enfeitada

Azul e branco era a cor da amplidão,

E a lua branca me lembrava à namorada

Que me inspirou a escrever esta canção.

 

O luar parecia à luz do dia...

Cuja paisagem areiusca do sertão,

A lua branca me lembrou da minha amada

Aquele amor que sufocava o coração.

 

Oh! Estrelinha prateada...

Piscando assim você me enche de emoção!

Nesta fria e angustiosa madrugada

Como consolo um violão.

 

(Refrão).

A lua branca clareava o meu céu

Meu céu azul nuvens cor de algodão,

A lua branca com estrelas prateadas

Fez-me chorar, nas noites de solidão.







 

 

 

 

 

 

 

Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 06/08/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras