Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos


 
“DE ONDE VEM TANTO AMOR”.
                 (Rondel).
 
 
De onde vem tanto amor
A comparar tanto segredo...
Como se fosse um esplendor
É só prazer, sem culpa e sem medo.
 
 
A sombra de um arvoredo
Eu vi sentar um beija-flor,
De onde vem tanto amor
A comparar tanto segredo.
 
 
Sem ter vergonha nem pudor
Cabe na ponta de um dedo...
Sem mistério, nuance ou cor
Como uma música ou um enrredo,
De onde vem tanto amor.
 
 
Autor: Antonio Hugo.

 
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 24/02/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras