Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos





“ANJA”.
(Soneto).
 
Anja, de asas douradas,
Intitulei assim, por parecer,
Que me deixou na madrugada
Já preste ao amanhecer.
 
Hoje aqui choro sozinho
Choro o leite derramado,
A procura de carimho
Onde está meu bem amado.
 
Anja, que foi minha senhora,
Que gentil, em todas as horas,
Penso em ti a todo momento.
 
Fica aqui, não vá embora,
Até o amanhecer da aurora,
Fica no meu pensamento.
 





 
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 09/04/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras