Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos



“UMA TARDE MERENCÓREA”.
                 (Poesia).
 
Um dia triste, uma tarde merencória,
Em que o céu azul, recorda a sua historia.
Em que as nuvens em pedaço
Perguntava o seu nome,
E eu seguia com olhar tristonho,
Com olhar de abandono...
Afônico de vontade de te ver
Mas eu só queria te saber
Como é que estava você.
Você que talvez me visitasse,
Mas eu não pude te ver
Eu que chorava, soluçava, por nada.
Simplesmente via o choro
A garganta e o momento de saudade
Com vontade de te ver-te...
Ah! Minha mulher! Que saudade de você!
Vontade de pegar a sua mão,
Sustentar a sua altura mediana,
Quisera eu dizer teu nome
Sentir a sua aura, beijar a sua boca,
E poder dizer que eu te amo.
 
Autor: Antonio Hugo.


 
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 28/01/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras