Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos




“CAMA VAZIA”.
      (Soneto).
 
Madrugada que chovia
Com saudade eu acordado,
De um lado, a cama vazia,
Sentia-me desprezado.
 
Sai fora, olhei o céu...
Que estava estrelado,
Nuvens brancas igual a véu
Parecia um manto bordado.
 
Ajoelhei numa prece...
Pois quem ama não esquece,
Apenas aceita os fatos.
 
Por vezes até agradece
A lagrima que do rosto desce,
Pois vem pagando os seus atos.
 
Autor: Antonio Hugo.



 
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 14/01/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras