Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos








“A MINHA AMADA DORME”.


Novamente a madrugada
E o poeta ali, fazendo versos,
Ele sente que o sereno cai lá fora
Que a noite está indo embora
Ele ali no seu divã, confessando para Deus;
Não tem sono nem vontade de dormir
Não tem fome nem sede,
Mas tem alguém pra lhe soprar...
Os versos... Esse alguém é Deus!
Fala sozinho, faz gestos com as mãos,
Abre um largo sorriso...
Quando lhe vem uma canção.
Ah! Poeta! A sua amada dorme,
Talvez sonhando contigo, e você,
Que sonha alem. Vai poeta...
Vai dormir que o amanhã já vem
E o orvalho ainda molha a relva.
Ele pensa pegar o violão...
Para tocar uma canção
E ofertar pra ela; mas ela dorme,
Ele não quer fazer barulho...
Pois ela acordaria com os acordes. 








Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 13/05/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras