Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos






“BRANCO IGUAL A NEVE”.
               (Soneto)
 
Pequenina em que o amor
Veio correndo pro abraço,
Tão igual um beija-flor...
Sobre a dor, sobre o cansaço.
 
Ai pequenina eu pudesse...
Tocar seus lábios de leve,
Razão porque me entristece
Cai branco igual à neve.
 
Se me faz a gentileza
Tão pouca igual a natureza,
Faz doer o coração...
 
Por outro lado a franqueza
Insulto que a alma preza,
Faz vir forte a oração.
 





 
Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 12/04/2014
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras