Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos








“PALMADA NA BUNDA”.
         (Poesia).
 
 
Inconsciente eu chorei
Quando conheci o mundo,
Levei palmada na bunda
Eu nasci numa segunda,
O dia mais odiado...
Por que não na terça-feira?
Que é mais hospitaleira,
Duas horas da madrugada
Nos braços da enfermeira
Cansada de trabalhar;
A minha mãe que dormia
Meu pai eufórico de alegria,
E eu, sem entender nada...
Apanhei logo ao nascer,
Entendi, não foi maldade,
Praxe da maternidade
Que nasci sem escolher;
Um pouco aqui outro ali
Aprendi a minha história,
Armazenei na memória
Hoje eu vim contar aqui.






Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 14/05/2011
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras