Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos







“MENINO HOMEM”.
       (Poema).
 
Tu és oh lua!
Aquela que, há muito
Me acompanha...
Cuja inspiração tamanha
Faz do meu ser
Um pensador;
Ainda que nublado esteja
O céu ao anoitecer,
Se o sereno ali goteja
Não me deixando te ver...
Brota do peito a canção
Versos que vem do coração
Enaltecendo minha alma;
A maré lavando a areia
Então você se faz cheia
Dando ênfase ao meu poema;
Não importa o dilema
Tampouco importa a saudade,
Vem você por vaidade
Resolver os meus problemas;
Vem cercada de estrelas
Imponente e poderosa!
Eu humano em meio às rosas
A mercê da tua luz...
Eu bem sei que me conhece
Pois desde pequenino em prece
Eu invocava o teu nome,
Vem lua! Vem a mim por caridade!
Apesar da muita idade
Eu sou um menino homem!





Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 11/03/2011
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Áudios Relacionados:
"MENINO HOMEM". - Antonio Hugo


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras