Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos










“RIACHO ESTREITO”.
           (Poesia).
 
 
Eu vi uma flor chorando
As margens de um riacho estreito,
Vi um poeta declamando...
Todo seu sonho desfeito.
 
Senti um vazio no peito
Quando as águas eu vi secando,
Poucas águas no seu leito
Eu vi o rio agonizando.
 
Senti o coração sangrando
Ao notar que não tinha jeito,
Mas Deus estava escutando
Fez um trabalho perfeito.
 
Mostrou que tinha respeito
Por quem o estava chamando,
E decretou como aceito...
A quem lhe pediu clamando.
 
Quando vi águas jorrando
Com o coração satisfeito,
Eu agradeci orando...
Sempre rezando eu me deito!








Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 04/07/2010
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Áudios Relacionados:
"RIACHO ESTREITO". - Antonio Hugo


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras