Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos










“SONHAR”.
(Prosa Poética).
 
 
No meio da madrugada eu perco o sono, em meio a solidão eu olho o céu... Às vezes lindo estrelado, noutras vezes carrancudo, mas ainda assim, me vem a inspiração.
Registro no papel o que pensei, logo após a chuva cai o tempo esfria, eu vou para cama, então eu sonho... Vejo carneirinhos a minha volta, vôo leve sobre a relva; mais alto eu vôo sobre os campos e montanhas... Eu vôo sobre o mar, eu ouço uma canção que me traz de volta a terra, então eu pouso devagar.
Sinto uma carinhosa mão sobre o meu peito, eu ouço aquela voz suave que não quer me acordar, pois sabe que sonho, e limita-se a me observar.
O dia amanhece o sol entra pela janela, me aquece agora é dia, parei de sonhar vai-se embora a fantasia, agora é a realidade que nem sempre eu concordo, mas tenho às vezes que aceitar, pois faz parte dessa vida, quase sempre tão doída, mas eu tenho que encarar... O céu é sempre lindo! Há momentos que está bravo, cospe pedras sobre nós, espirra raios e trovoes, derrama chuva inunda a terra... De repente abre os olhos e nos aquece, muitas vezes em noites calmas acalanta as nossas almas, e nos deixa a sonhar!








Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 06/05/2010
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras