Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Textos


"A ILHA DO NOSSO AMOR"

Um coqueirinho magro
Junto à cabana vazia,
Naquela ilha deserta
Onde com você, eu vivia.

Aquela cabana tem
O cheiro do nosso amor,
O coqueiro foi o marco
Que você mesma plantou.

Hoje observei do barco
Aquela velha cabana,
O coqueiro estava lá
Junto a saudosa choupana.

Hoje, eu senti saudades
Daqueles tempos difíceis,
Quando só nós dois, lá na ilha
Você me olhou e disse.

Que meu amor te bastava
Para você ser feliz,
Que ficássemos na ilha
Eu por ser tolo, não quis.

Antonio Hugo
Enviado por Antonio Hugo em 25/02/2006
Alterado em 18/01/2007
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Áudios Relacionados:
A ilha do nosso amor - Antonio Hugo


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras