Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Áudios

"CORAÇÃO DILACERADO".
Data: 04/09/2007
Créditos:
Autor: Antonio Hugo.
Voz: Antonio Hugo.
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.










“CORAÇÃO DILACERADO”.

                 

 

Quando eu te conheci

Naquela tarde de verão,

Amei-te desde que te vi

Quando beijei a tua mão.

 

Tamanha foi à solidão

Quando me ausentei daqui,

Chorava o meu coração

Paixão igual, nunca senti.

 

Não sei o que deu em mim

Nunca senti algo assim,

Talvez nunca tivesse amado.

 

Quase perdi a razão...

Medo que dissesse não,

O coração dilacerado!

 







Enviado por Antonio Hugo em 23/08/2007

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras