Antonio Hugo

Ser romântico, é ter a certeza, de que vale a pena amar; amar a todos, e a tudo o que for bom.

Áudios

A VOZ
Data: 02/01/2007
Créditos:
Autor: Antonio Hugo
Locutor: Antonio Hugo
Música de fundo - Gaivotas: Antonio Marcos
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.








"A VOZ"

Quão sinuoso era o meu caminho,
que por ele eu viajava...
Tão fechada era a vereda
que por ela eu me embrenhava.

Porém sempre havia uma luz
que ao longe a mim guiava,
era a voz de um ser divino
que sempre me acompanhava.

Nos momentos de cansaço
essa voz me acalantava,
era só ouvir a voz
que a minha dor aliviava.

Esse fardo tão pesado
que no caminho eu levava,
cuja voz quando ecoava
os meus passos aumentavam.

De onde vonha essa voz?
Que do perigo me alertava...
Era a voz da consciência;
que dentro de mim gritava!





Enviado por Antonio Hugo em 02/01/2007

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Antonio Hugo/ site: www.antoniohugo.recantodasletras.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras